Blog Bem Gasto

Alguma coisa vai cair do caminhão. E está tudo bem

“Só eu que estou surtando na quarentena, trancado em casa em meio a um cenário de morte, desesperança, cheio de trabalho, cuidando de casa, do filho, do cachorro, super inseguro em relação ao futuro e me sentindo um hamster gigante numa gaiola?”

- Só você, humano angustiado.

- Apenas você, coraçãozinho sensível.

- Gatinho manhoso.

- Flor delicada

Quem costuma frequentar as redes sociais já identificou o estilo debochado do perfil “Diferentona”, meio sumido do Facebook mas que fez muito sucesso. Pois eu escolhi me utilizar do bom humor para dar uma desanuviada neste momento tão difícil.

Tá puxado. O coronavírus impacta a rotina de todo mundo e causa perplexidade com seu avanço. Confie em mim, é normal se sentir angustiado e meio perdido em tempos assim.

Portanto, perdoe-se se:

- perdeu a concentração

- descontou na comida

- brigou com o coleguinha pelo Zoom

- chorou

- sentiu que não está aproveitando o tempo para aprender algo

- deixou a casa bagunçada

- gastou demais

- desanimou

É muita coisa concentrada num espaço muito limitado (por maior que seja sua casa, ela hoje não passa de uma gaiola gigante de hamster). Algo vai cair do caminhão. E tudo bem.

Então, acalme-se. Permita-se um momento tranquilo em meio ao caos e respire.

Então, quando a mente estiver mais serena, coloque a bola no meio do campo de novo. Tome as rédeas da situação, retome o controle de gastos.

Faça um cronograma de suas atividades e não deixe nada de fora, nem os momentos de lazer e muito menos a organização financeira. Se não estiver a fim de abrir o computador, use um caderno, peça a ajuda dos familiares para preenchê-lo.

E você, está fazendo o quê para manter a sanidade mental durante a quarentena?




61 visualizações