Blog Bem Gasto

Mulheres: aprendam sobre dinheiro

Amigos e amigas, tudo bem com vocês?


Já ouviram falar em uma mulher chamada Abigail Adams?


Ela foi esposa de John Adams, um dos revolucionários da Independência dos Estados Unidos. Não foi só isso. Ela é conhecida como uma das primeiras (se não a primeira) mulher dos EUA a lutar por direitos de suas semelhantes, especificamente o direito a ter acesso à educação e à propriedade em seus próprios nomes. Isso por si só já é muito legal… mas o que muita gente não sabe é que ela foi uma maravilhosa investidora.


Educando-se pelos livros das bibliotecas do pai, Abigail cuidava, quando casou-se com John, das finanças familiares e dos investimentos, contrariamente ao costume da época. E fez fortuna para a família negociando muito bem títulos do governo do seu País, enquanto seu marido não manjava tanto assim de investimentos.


Ou seja… desde muito tempo atrás, as mulheres já provavam que tod@s nós temos capacidade de fazermos o que quisermos. Felizmente, temos um ambiente hoje que vem facilitando o acesso das mulheres aos conhecimentos, principalmente os financeiros, mas temos ainda um longo caminho a percorrer.


Ontem foi a comemoração de um dia que só existe porque no passado as mulheres sofreram pra chegar até aqui. Uma das formas que se viu - e ainda se vê muito - é a dependência financeira das mulheres; elas não são normalmente ensinadas a cuidar de sua grana e por isso dependem de outros para fazer isso por elas.


Mulheres, o que eu posso falar para vocês é: aprendam sobre dinheiro. Saibam como ele funciona, desde as dívidas aos investimentos. Façam questão de conhecer as finanças - sejam as suas, individuais, sejam as da sua família. Saibam para onde a grana está indo, invistam em vocês e no futuro de vocês, sem depender de ninguém. Confiem sabendo do que está acontecendo, para não serem enganadas.


E não estou falando aqui só de ter conta separada de cônjuge, ou esconder as coisas, porque isso não impede por si só os problemas. É o conhecimento que vai te libertar, abrir os olhos seus e de suas amigas em relação a várias coisas, incluindo (e principalmente) relacionamentos abusivos, onde uma pessoa pode usar o dinheiro para te controlar. Exija participação no conhecimento da situação e da decisão de como o dinheiro será usado, quando dividir sua grana com alguém.


Homens - uma das maiores formas de respeito às mulheres não é um buquê de flores no Dia da Mulher. É todo dia construir uma relação de respeito. Inclusive em relação ao dinheiro, aos investimentos e ao conhecimento em relação às finanças. Se tiver conhecimento sobre o assunto, divida-o com mulheres - amigas, esposas, namoradas, conhecidas, filhas. Não use a grana como ferramenta de dominação, não esconda e faça questão de participar as mulheres deste tipo de decisão...


Eu tenho crença absoluta que esta é uma das principais coisas para garantir que cada uma de vocês tenha a liberdade e a autonomia que merece para fazer o que quiser, sem depender de ninguém é saber lidar com a grana. Então, neste dia, eu falo para vocês - continuem nessa pegada de aprender e dominar mais conhecimentos, mas não esqueçam de entender sobre finanças pessoais. No final, todos e todas saem mais felizes!


Alexi Atchabahian

alexi.atchabahian@gmail.com




0 visualização