Blog Bem Gasto

Sobre viagens e escolhas

Amigas e amigos, tudo bem com vocês?


Na minha vida, nunca conheci alguém que não gostasse de viajar. Desde aquele famoso bate-e-volta até a praia/montanha mais próxima para passar o dia, até aquela viagem de sonho para um lugar paradisíaco... todo mundo curte dar uma arejada na cabeça, conhecer lugares e pessoas novas, ver o mundo de uma perspectiva diferente.


Eu sou parte deste grupo (e depois que conheci minha esposa, mais ainda!). Cada vez mais, conhecer um lugar, ver como pessoas vivem nesses lugares, entrar no ponto de vista delas têm feito com que eu dê valor a várias coisas que antes não ligava Minha vida, as coisas que tenho, o País que eu vivo... fora o relaxamento, a exploração e várias outras coisas deliciosas.


Tá parecendo blog de viagens e não de grana né? Não, ainda não mudamos o blog para “Bem Gasto Viagens”... mas o bonito de se falar de dinheiro é – se você o tratar como algo neutro, uma ferramenta para colocar seus valores e objetivos na prática, falar de grana é falar de tudo... inclusive de uma coisa legal como uma viagem!


Quem tá com a grana mais curta pode ver isso de um lugar de sofrimento, e é compreensível. Há momentos da vida em que outras coisas vão ser mais importantes, mais urgentes e a gente vai ter de segurar a barra. O legal de pensarmos nas nossas prioridades é conseguir tomar estas decisões de maneira mais consciente. Talvez aquela “viagem de sonho” precise ser um pouco adiada... Ou não!


Como podemos fazer uma viagem legal e viável do ponto de vista financeiro? Algumas possibilidades:


A alternativa sempre mais falada é juntar toda a grana antes. É a mais clássica, você segura as pontas, faz um plano e junta a grana. De uma vez, um pouco por mês, investe em algo que faz sentido para o prazo da viagem e depois paga tudo à vistinha (com um belo desconto negociado!).


Quem tem cartão de crédito que dá milhas pode se beneficiar e viajar “de graça”... só lembre que, se você não pagar a fatura toda direitinho todo mês, nenhuma milha será suficiente pra cobrir o rombo que as taxas do cartão vão fazer nas suas finanças. Sem controle, esqueça as milhas!


E se tudo isso não rolar para seu momento de vida, a ansiedade de viajar bater, ou sobrou uma grana inesperada e você tá louco para viajar? Já pensou em viajar na baixa temporada? Ir para um lugar frio no verão, praia no inverno... além de mais barato e você conseguir “coçar aquela coceira” de viajar gastando menos (às vezes, beeeeeem menos), a experiência pode trazer algo de um ponto de vista diferente! O passeio diferente, inusitado, mais barato, mais tranquilo, as atrações estarão certamente mais vazias... ou seja, tem vários aspectos positivos!


E aí que vem a “escolha”. O lugar que você quer ir pode não ser “ideal” fora da alta temporada. Aí cabe a você, e somente a você, lembrar que a vida é feita de escolhas e ver o que é mais importante para você. Eu, como pão-duro assumido que sou, não faço questão das viagens pela badalação da alta temporada... então, adoro viajar fora de época!

E vocês? Que acham? Bora pagar mais barato para curtir um lugar novo?


Um grande abraço,


Alexi, voluntário da Bem Gasto

alexi.atchabahian@gmail.com




32 visualizações